PRÊMIO DE SUSTENTABILIDADE

Brazilian Luxury Travel Association



marcos amend

lodge

O Cristalino Lodge é um destino privilegiado na Amazônia para amantes da natureza. O hotel está localizado em Alta Floresta, em uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) de 11.399 hectares

Muito além das práticas convencionais, hotéis brasileiros mostram esforços inovadores de sustentabilidade, beneficiando hóspedes, comunidades e parceiros em prol do bem comum. No final de novembro, uma cerimônia em São Paulo celebrou a entrega do Prêmio de Sustentabilidade da Brazilian Luxury Travel Association - BLTA, valorizando ações de hotéis membros voltadas para sustentabilidade, preservação do meio ambiente, turismo responsável, cultura e desenvolvimento social.

O Prêmio Sustentabilidade - Sustainable Vision Award - que integra a BLTA, foi avaliado por um criterioso corpo de jurados composto por cinco especialistas que analisaram as iniciativas a partir de quatro pilares: conservação, cultura, comunidade e comércio. 

Um estabelecimento de Mato Grosso, o  Cristalino Lodge (Alta Floresta/MT), foi eleito o vencedor do certame, após classificar-se entre os três finalistas, concorrendo com a Pousada Literária (Paraty/ RJ) e o Uxua Casa Hotel & Spa (Trancoso/BA).

O presidente da BLTA, Martin Frankenberg, ressaltou que, em um mundo globalizado e atento às questões ambientais, “este prêmio existe porque nossos hóspedes, assim como nós, sabem que sustentabilidade não é um desejo lúdico. Ao contrário, é uma realidade que precisa ser discutida e colocada em pauta na prática cotidiana”. Complementarmente, a diretora-executiva da BLTA, Simone Scorsato, afirmou: “Nosso objetivo é promover a preservação do meio ambiente e das culturas locais, participando do desenvolvimento sustentável dos destinos de maneira efetiva”.

Segundo a avaliação dos jurados, o Cristalino Lodge sagrou-se vencedor devido aos esforços de conservação realizados na Amazônia, as ações de educação ambiental com a comunidade local e a promoção de pesquisas como forma de gerar conhecimento -, criando um modelo de turismo inovador e replicável para outras regiões.

“Somos todos transformadores”, declarou o gerente-geral do Cristalino Lodge, Alex Da Riva, referindo-se aos exclusivos hotéis, resorts, pousadas e operadores presentes e comprometidos em promover experiências sofisticadas e sustentáveis no país. “Conservar o entorno e beneficiar as comunidades constitui um propósito inovador do turismo de luxo”, acrescentou. De acordo com a fundadora do Cristalino Lodge, Vitória Da Riva, “Todos nossos trabalhos têm por objetivo proteger a imensa biodiversidade do sul da Amazônia, assim como suas comunidades”, afirmou.

O Cristalino Lodge criou um modelo de turismo inovador, que combina as experiências de hospitalidade de alto padrão com um extenso trabalho de conservação de florestas no sul da Amazônia. Ao todo, são preservados 11.399 hectares de mata nativa, uma área cerca de seis vezes o tamanho de Fernando de Noronha. Além disso, parte da renda do hotel é destinada ao trabalho da Fundação Ecológica Cristalino (FEC), que promove ações de educação ambiental com crianças e jovens da região, atendendo mais de 7.000 participantes desde que o programa foi criado, em 2008. 

A FEC também contribui para a geração de conhecimento através de pesquisas sobre a biodiversidade local em parcerias com Universidades Estaduais e Federais. No limite, valorizamos aquilo que conhecemos, e promover conhecimento sobre a biodiversidade é um primeiro passo para a sua conservação. “Este modelo pode ser replicado para outras regiões, adaptando-se às necessidades de cada local”, afirma Alex Da Riva.

O Diretor de Sustentabilidade da BLTA, Roberto Klabin, expressou seu contentamento. “Estou muito satisfeito e impressionado. Estes exemplos são o nosso diferencial e se refletirão no futuro. Nossos empreendimentos são guardiões e aproximam nossos clientes dessa realidade”, disse.

Um dos jurados, o professor de Turismo e Sustentabilidade do Senac, Fernando Kanni, ressaltou o significado dessa iniciativa para o turismo brasileiro, enfatizando a hospitalidade e a brasilidade como diferenciais dessa hotelaria para inspirar o turista internacional a conhecer o Brasil e suas experiências. O júri também contou com as participações da coordenadora do Fórum Interamericano de Turismo Sustentável, Paula Arantes, da jornalista Paulina Chamorro (da Rádio Vozes e National Geographic Brasil), da diretora-executiva da SOS Mata Atlântica, Marcia Hirota, e do diretor executivo da ILTM Latin America, Simon Mayle.

samuel melim

lodge

O hotel mato-grossense criou um modelo de turismo inovador, que combina as experiências de hospitalidade de alto padrão com um extenso trabalho de conservação de florestas no sul da Amazônia

O prêmio teve como troféu uma peça única de design de cerâmica assinado pela diretora executiva da BLTA, Simone Scorsato, que também é ceramista e utilizou da inspiração das folhas para criar a escultura.

Concorreram ao Prêmio de Sustentabilidade os hotéis: Felissimo Exclusive Hotel (Camburiú/SC), Pousada Literária (Paraty/ RJ), Uxua Casa Hotel & Spa (Trancoso/BA), Hotel Unique Garden (Mariporã/SP), Reserva do Ibitipoca (Lima Duarte/MG), Casa dos Arandis (Península de Maraú/BA), Txai Resorts (Itacaré/BA), Cristalino Lodge (Alta Floresta/MT), Pousada Maravilha (Fernando de Noronha/PE) e Anavilhanas Jungle Lodge (Novo Airão/AM).

SOBRE A BLTA

A BLTA - Brazilian Luxury Travel Association - foi criada em 2008 por empresários que identificaram a necessidade de se unirem de forma institucional para desenvolver o segmento de turismo de luxo no Brasil. Atuante nos mercados nacional e internacional por meio de ações institucionais, comerciais e promocionais, a BLTA promove o fortalecimento do Brasil como destino turístico para o mercado de luxo mundial. A BLTA possui 36 associados - um grupo formado por hotéis, resorts, pousadas e operadoras de viagens do mercado de luxo e que promovem experiências autênticas, sofisticadas e sustentáveis no país. Alguns dos parceiros da BLTA incluem: Embratur, Senac, SOS Mata Atlântica e as embaixadas do Brasil no exterior.

SOBRE O CRISTALINO LODGE

O Cristalino Lodge é um destino privilegiado na Amazônia para amantes da natureza. O hotel está localizado em Alta Floresta, em uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) de 11.399 hectares. Só de aves, são 595 espécies diferentes já catalogadas, muitas delas raras para a ciência. A alta biodiversidade da região atrai turistas do mundo todo em busca de conforto e contato com a floresta autêntica no coração do Brasil.

O Cristalino possui 18 bangalôs com lençóis Trousseau 300 fios, amenidades Granado, duas torres de observação, trilhas de passeios guiados e atividades como canoagem e banho de rio no deck flutuante. Todos os quartos são abastecidos com energia solar, garantindo conforto e bem-estar. Desde 1990, a Fundação Ecológica Cristalino contribui com o lodge no desenvolvimento de programas de conservação, educação e pesquisa em prol da biodiversidade. Eleito pela National Geographic Traveler como um dos 25 melhores ecolodges do mundo, o Cristalino recebeu o certificado EcoLíderes TripAdvisor na categoria Platinum e foi vencedor do Sustainable Vision Award da BLTA. (*com assessoria)

crist

A fundadora do Cristalino, Vitória da Riva, ao centro, segurando o troféu, uma peça única de design de cerâmica

 


Voltar  

Confira também nesta seção:

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet