Segunda, 13 de novembro de 2017, 18h31
ESPETÁCULO
Criado a partir de experiência de vida

Redação*

elka

 

As Formas Animadas continuam no Sesc Arsenal. No próximo fim de semana (18 e 19/11), vai à cena o espetáculo "Para menores", com a coreógrafa e bailarina Elka Victorino. Nos dois dias, às 20 horas, com entrada franca.

Para alicerçar a sua criação, Elka contou com uma equipe e repartiu as funções. Na convocação: Thereza Helena (dramaturgia), Robsdon Oliveira (cenografia), Elídio Corrêa (figurino), Cecília Barroso (som) e Fred Gustavos (fotografia e design gráfico).

A criadora do espetáculo é escolada nas artes. Sabe das coisas. Sabe, por exemplo, que quando você quiser dançar o argumento das elites, é preciso frequentar as rodas sociais. Subir no salto e encarar os brilhos das joias que a política nacional perdoa, com uma tornozeleira ou uma prisão em mansão de condomínio fechado.

Mas, e quando você quiser dançar a perda da infância pra uma sociedade corrupta? Qual é a coreografia para  a violência como brinquedo? Para equacionar essa questão, Elka Victorino se valeu de uma experiência própria. A sua vivência como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá.

Essa vivência foi crucial para o processo criativo do espetáculo “Para Menores”. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em experiências.  

Elka explica que seu trabalho como socioeducadora resultou em muitos contrastes e criou um ambiente antropofágico, no qual, a bailarina se alimentou da cultura dos corpos daqueles jovens, mudando para o lugar da cena, o que antes estava ejaulado.

E todo esse processo, que estreou em setembro passado, é o que vai estar em cartaz no Arsenal, sábado e domingo próximos.(*com assessoria)

 


Fonte: Tyrannus Melancholicus
Visite o website: http://www.tyrannusmelancholicus.com.br/