POESIA
Ivan Vazov


 

A Baía de Nápoles*

 

Mar de Nápoles, você é maravilhoso à noite
Com o cachecol de Zéfiro desenrolado,
Quando o seu azul, águas cristalinas de luz
Impregnam a lua com ouro.


Como amo flutuar em uma noite encantadora
Pelas suas ondas adormecidas,
E de um pequeno barco observar o Vesúvio
Esfumaçado no tecido celestial,


Ou ver Nápoles adormecer sob suas carícias,
Ou olhar para o Fórum sem vida de Pompéia,
E trocar beijos ruidosos com ninfas
De braços dados com a sua doce indecência.

 

*Reproduzido de https://poesiaspreferidas.wordpress.com

 

 

Ivan Vazov (1850-1921), poeta da Bulgária

 


Fonte: Tyrannus Melancholicus
Visite o website: http://www.tyrannusmelancholicus.com.br/