CINESESC

Sessões na 5ª, 6ª, sábado e domingo



para fora

"Para fora" (Alemanha), filme de Christian Zübert, tem sessão na quinta-feira

Em março, o Cinesesc (Arsenal) aborda a temática feminina em diferentes dimensões. Em seis longas-metragens e três curtas, na sessão de debate, serão abordados a discriminação, o assédio em diversos ambientes e a objetificação da mulher. As produções também trazem importantes reflexões sobre a mulher ser muito mais que sensibilidade, sexualidade e maternidade.

Nesta matéria trazemos informações sobre os quatro longas que serão exibidos nesta semana a partir de quinta-feira (01), até o domingo (04). Todas as sessões são gratuitas e começam às 19h30.

Abre a programação, na quinta-feira, o filme "Para Fora" (Christian Zübert, Alemanha, Drama, 2013, 95min.), que tem exibição a partir de parceria com a Embaixada da Alemanha. A classificação indicativa é para 14 anos.

Na história, Hannes e Kiki são os responsáveis do ano por escolher o destino do grupo de ciclistas do qual participam. Os dois da Bélgica, terra dos chocolates. Todos partem muito animados e percorrem o caminho felizes por estarem juntos. No entanto, Hannes tem uma surpresa pouco agradável sobre sua saúde que ele não consegue mais esconder dos amigos.

paulina

O filme argentino "Paulina", de Santiago Mitre, será exibido na sexta-feira

Na sexta (02) tem exibição, para maiores de 16 anos, "Paulina" (Santiago Mitre, Argentina, Drama, 2015, 103min.). O filme ganhará mais duas sessões ainda no mês de março, nos dias 15 e 29.

Conta a história de uma jovem larga sua promissora carreira de advogada para ser professora em uma região pobre da Argentina. Sua escolha é colocada à prova ao ser estuprada por um grupo de alunos que a confunde com outra mulher.

"O sonho da Wadja" (Haifaa Al Mansour, Arábia Saudita, 2012, 98min, Drama), livre para todas as idades, tem sessão no sábado (03), com repeteco no dia 11.

O roteiro traz Wadjda, uma garota que vive em uma cultura conservadora e seu maior desejo é comprar uma bicicleta para disputar corrida com seu melhor amigo. Porém, encontra dificuldades para realizar seu sonho, pois bicicletas são consideradas perigosas para meninas e Wadjda terá que conseguir sozinha.

wadja

"O sonho da Wadja" (Arábia Saudita) de Haifaa Al Mansour, está programado para o sábado

Fecha a semana, no domingo (04) "Meu nome é Jacque" (Angela Zoé, Brasil, Documentário, 2016, 72min.). Para maiores de 12 anos.

Jacqueline Rocha Côrtes é uma mulher transexual brasileira que vive com Aids. Jacque tem a vida marcada por lutas e conquistas. Hoje casada e mãe de dois filhos, mora numa pequena cidade onde leva a vida voltada para a maternidade e a família. 

Ao acompanhar o cotidiano de Jacque e revisitar sua trajetória, o filme aborda a diversidade e a essencialização do ser humano, e apresenta os inúmeros desafios que foram rompidos pela personagem, levantando uma reflexão sobre o preconceito, a homolesbotransfobia e a identidade de gênero. (*com assessoria)

jacque

Domingo tem "Meu Nome é Jacque", documentário brasileiro de Angela Zoé

 


Voltar  

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet