FESTIVAL VARILUX

Filmes de quinta e sexta, no Arsenal



varilux

"Graças a Deus", nesta 5ª: pedofilia na igreja católica

O Varilux tem sua abertura às 20h nesta quinta, com exibição do drama “Graças a Deus”. Na sexta entram em cartaz "Amor à Segunda Vista" (comédia) e "Inocência Roubada" (drama). Dois filmes tratam do abuso de crianças, um tema delicado que precisa ganhar visibilidade e abordagens séria. Todas as sessões são gratuitas e acontecem no Sesc Arsenal.

“Graças a Deus” (2019) tem direção de François Ozon e tem o elenco encabeçado por Melvil Poupaud, Bernard Verley, François Marthouret, Denis Ménochet e Swann Ariaud. A classificação é para 14 anos. 

Narra a história de Alexandre que, adulto, escreve uma carta à Igreja Católica, revelando um segredo: quando era criança, foi abusado sexualmente pelo padre Preynat. Os psicólogos da Igreja tentam ajudar, mas não conseguem ocultar o fato de que o criminoso jamais foi afastado do cargo, pelo contrário: ele continua atuando junto às crianças. Após a carta de Alexandre, aparecem muitas outras denúncias de abuso, feitas pelo mesmo padre, além da conivência do cardeal Barbarin. Juntos, Alexandre e mais dois homens que foram abusados quando crianças,  criam um grupo de apoio para aumentar a pressão na justiça por providências. Mas eles terão que enfrentar todo o poder da cúpula da Igreja.

O filme foi vencedor do Grande Prêmio do Júri do Festival de Berlim 2019. Sua cotação média nos sites especializados é de 3,5 estrelas (entre 5).

varilux

"Amor à Segunda Vista", comédia em cartaz na sexta

Sexta-feira

Dois filmes ganham exibição na sexta (7). Na primeira sessão, às 18h, tem “Amor à Segunda Vista” (2019), filme de Hugo Gélin, com François Civil, Joséphine Japy e Benjamin Lavernhe, entre outros, no elenco. Para maiores de 12 anos.

Na sinopse, do dia para a noite, Raphael acorda em um universo paralelo onde ele nunca conheceu Olivia, o amor da sua vida. Agora ele precisa reconquistar a sua esposa, mesmo sendo um completo estranho para ela. Enquanto Raphael tenta entender exatamente o que aconteceu, ele corre contra o tempo para não perdê-la. 

A crítica deu cotação média de 2,7 estrelas ao filme, entre 5.

Às 20h será exibido "Inocência Roubada” (2018), com direção de Andréa Bescond e Eric Métayer. No elenco, Andréa Bescond, Karin Viard e Clovis Cornillac, entre outros. Classificado para maiores de 12 anos. 

Aos oito anos, Odette gostava de pintar e desenhar, como toda criança inocente. Eventualmente, ela também brincava com os adultos, por isso não recusou participar de uma "guerra de cócegas" com um homem mais velho, amigo de seus pais. Anos depois, Odette é uma adulta assombrada pelos traumas da infância, algo que ela vem tentando esquecer através da dança, atividade que ela pratica profissionalmente.

O filme recebeu cotação mediana da crítica (2,5 estrelas). (*com assessoria e informação de vários sites)

varilux

O abuso infantil é tema de "Inocência Roubada, na 6ª

 


Voltar  

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet