NOVA ACRÓPOLE

Reflexões filosóficas sobre o músico



villa

Villa-Lobos foi um compositor, maestro, violoncelista, pianista e violonista brasileiro. É acusado de ser o compositor sul-americano mais conhecido de todos os tempos

Serestas, choros, bachianas e poemas sinfônicos fazem parte da bela obra deixada pelo compositor brasileiro Heitor Villa-lobos (1887-1959), um repertório com ritmo, melodia e sonoridade bem brasileiros. Mesmo 60 anos após sua morte, suas músicas ainda ecoam dentro e fora do país, revelando a essência do povo desta terra. 

chitto

O violonista André Luiz Chitto comanda apresentações da obra de Villa

A visão filosófica sobre a vida e a obra de Villa-lobos será tema de palestra neste sábado (14), das 19h às 21h, na Nova Acrópole Cuiabá. A musicalidade do artista também estará presente. A entrada é franca.

Conhecido como um gênio musical brasileiro, o autor dizia cantar a natureza do país que tanto amava. “Na minha música deixo cantar os rios e os mares deste grande Brasil. Eu não ponho mordaça na exuberância tropical de nossas florestas e dos nossos céus, que transporto instintivamente para tudo que escrevo”.

De acordo com a pesquisadora e professora de filosofia, Janaina Morais, Tuhu, como preferia ser chamado, traduziu com simplicidade e pureza, a complexidade da alma brasileira. “Apesar das críticas recebidas ao longo de sua carreira, manteve-se firme ao propósito de despertar nos seres humanos a sensibilidade que havia em si próprio, através de uma música que dialogasse com as formas existentes na cultura brasileira, as quais expressam a beleza do Brasil”, afirma.

Segundo ela, seria impossível conceber uma civilização sem arte, pois se trata de uma expressão presente desde as antigas tradições, possibilitando aos seres humanos maior contato com a beleza. “É possível estudar uma sociedade pela arte que produz - é possível conhecer um povo pela música que escuta - já diziam os filósofos antigos”, pontua a professora.

O evento oferece também a apreciação musical de algumas obras de Villa-Lobos, com a apresentação do violonista André Luiz Chitto, bem como, de artistas da Nova Acrópole Cuiabá. Com venda de doces e salgados no local. (*com assessoria)

SERVIÇO

O QUE: Palestra: Villa-lobos e a alma brasileira: reflexões filosóficas sobre a vida e a obra, e apresentações musicais
ONDE: Nova Acrópole Cuiabá, rua Alta Floresta, 82, bairro Jardim Alvorada
QUANDO: sábado (14), das 19 às 21h
QUANTO: entrada franca
INFORMAÇÕES: (65) 99919-1700

 


Voltar  

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet