VALE-CULTURA

Mais de 520 mil empregados já beneficiados



vale cultura

Chamar a atenção das pessoas para o poder transformador propiciado pelo acesso ao universo proporcionado pela cultura

A oportunidade de consumir cultura, muitas vezes, inédita para algumas pessoas e seus familiares continua a movimentar o setor cultural com cerca de 520,6 mil empregados já beneficiados pelo Vale-Cultura e mais de R$ 401,6 milhões investidos na economia da cultura durante os seus cinco anos de existência.

Algumas histórias dos beneficiados com o Vale-Cultura já podem ser vistas nas redes sociais do Ministério da Cultura (MinC), através de campanha iniciada na última quarta-feira (12) que abrange as redes sociais do MinC: Facebook, Instagram e Twitter.  Para conferir, basta acessar http://www.cultura.gov.br/ .
 
A intenção da campanha é chamar a atenção dos empregados e empregadores para o benefício, que pode transformar a vida das pessoas e suas famílias a partir do acesso a um outro universo proporcionado pela cultura.
 
"Temos três principais objetivos, sendo, é claro, o mais importante o de atingir os trabalhadores e permitir o acesso à Cultura. Há também o aspecto da economia da cultura ao permitir as empresas que fornecem o Vale ganhos do ponto de vista de contribuições sociais e ainda possibilitar que se crie uma moeda nova no ambiente das empresas que vendem os produtos culturais", posicionou o secretário de Fomento e Incentivo à Cultura, José Paulo Soares Martins.

Cartão magnético
 
Livros, ingressos para cinema e espetáculos teatrais e de dança, instrumentos musicais, discos, CDs e DVDs são alguns dos produtos culturais comercializados com o benefício do Vale-Cultura. Por meio de um cartão magnético, o trabalhador recebe mensalmente R$ 50 que podem ser acumulados para o consumo de bens e produtos culturais. Para participar do Programa, é necessário que a empresa solicite adesão ao Ministério da Cultura.
 
Com foco prioritário em atender a empregados que recebam até cinco salários mínimos, a empresa concede o benefício sem qualquer incidência de encargos sociais, previdenciários e trabalhistas. Ao conceder o benefício, o investimento é na formação cultural e social do seu empregado, o que traz retorno para a própria empresa.
 
Saiba mais sobre o Vale-Cultura: http://www.cultura.gov.br/valecultura. (*com assessoria do MinC)


Voltar  

Agenda Cultural

  • Em Breve:
  • 4ª Femoda-MT
  • Dia: 27 de julho
  • Local: Hotel Fazenda MT
  • Informações: no link
Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet