POESIA

Ataol Behramoglu

Na vida e na morte nos dividimos
nossos corpos estão divididos
nossas almas divididas
nossas vozes divididas, uma da outra
nossas mãos separadas
nossos cheiros
acordar junto na mesma cama
nossos sorrisos
nossas lágrimas
divididos nossos sonhos uns dos outros
no breu da noite
improvisadamente, tudo se faz um.

 

Reproduzido de https://escamandro.wordpress.com/, tradução de Francesca Cricelli

Ataol Behramoğlu (1942...), poeta da Turquia

 


Voltar  

Confira também nesta seção:
17.08.18 18h00 » Juliana Bernardo
15.08.18 18h00 » Andrei Dosa
13.08.18 18h00 » António Osório
10.08.18 18h00 » Alécio Cunha
08.08.18 18h00 » Alberto da Cunha Melo
06.08.18 18h00 » Luís Avelima
04.08.18 18h00 » Alfredo Rossetti
02.08.18 18h40 » Néia Gesualdi
31.07.18 18h00 » Libério Neves
29.07.18 18h00 » Gabriela Clara Pignataro
27.07.18 18h00 » Konstantin Balmont
25.07.18 18h00 » Paulo Sabladovsk
23.07.18 18h00 » Ángel González
21.07.18 18h27 » Alexandre França
19.07.18 18h00 » Jules Laforgue
17.07.18 18h00 » Armando da Silva Carvalho
15.07.18 18h15 » Lélia Rita de Figueiredo Ribeiro
13.07.18 17h51 » Patrícia Lavelle
11.07.18 18h00 » Kori Bolivia
09.07.18 18h00 » Fernando Assis Pacheco

Agenda Cultural

  • Em Cartaz:
  • IV Cinecaos - abertura
  • Dia: 18 de agosto
  • Local: Museu da Imagem e do Som de Cuiabá
  • Informações: no link
Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet