POESIA

Anne Carson

 

Cidade lobo*


Deixe tigres.
Os matarem deixe ursos.
Os matarem deixe tênias e lombrigas e vermes.
Os matarem deixe-os.
Os matarem deixe espinhos.
Os matarem deixe os parasitas de salmão.
Os matarem deixe os cortarem suas línguas em um osso e sangrarem.
Até a morte deixe-os.
Congelar deixe-os.
Famintos deixe-os pegar.
Raquitismo deixe-os pegar.
Artrite deixe-os terem.
Epilepsia deixe-os pegar.
Catarata e ficarem cegos deixe-os.
Correrem até a morte deixe águias.
Os sequestrarem quando jovens deixe uma semente ao vento.
Se enterrar nos seus ouvidos destruindo o equilíbrio deixe-os ter.
Muito boa audição deixe-os sim.
Ouvir uma nuvem passar.
Aérea.

 

*Poema reproduzido do site https://escamandro.wordpress.com, com tradução do mesmo

 

Anne Carson, poeta do Canadá


Voltar  

Confira também nesta seção:
22.04.19 00h10 » Adailton Medeiros
19.04.19 19h30 » Edival Lourenço
17.04.19 18h30 » Júlia Lopes de Almeida
15.04.19 13h00 » Darcy França Denófrio
12.04.19 20h30 » Alessio Brandolini
10.04.19 14h00 » Lucas Lemos
08.04.19 01h50 » Nuno Gonçalves
05.04.19 20h00 » Flora Figueiredo
03.04.19 19h30 » Luíza Mendes Furia
01.04.19 12h00 » Dániel Levente Pál
29.03.19 20h30 » Viviane Mosé
27.03.19 17h00 » António Vilhena
25.03.19 12h00 » Anne Carson
22.03.19 20h00 » Leo Barth
20.03.19 18h00 » Altair Leal
18.03.19 14h00 » Quinita Ribeiro Sampaio
15.03.19 21h00 » Ramon Carlos
13.03.19 18h00 » Cássia Janeiro
11.03.19 12h00 » Edson Flávio Santos
08.03.19 20h00 » Andri Carvão

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet