POESIA

Helena W. S.


Mulheres

Eu abro um livro,
Um cadeado,
Minhas pernas,
Meu peito,
Uma porta,
Vê se abre sua mente,
Muda seu conceito,
Mulher não é bicho,
Nem bibelô de estante,
Não é conquista,
Nem sonho constante,
Mulher é pessoa,
Que tine,
Que soa,
Que proa,
Do barco,
Da sua própria maré,
Mulher é aquilo que é,
Merece suas escolhas,
Merece suas decisões,
Os mesmos direitos,
Os mesmos caprichos,
Não somos bichos,
Somos bruxas.


Helena Werneck dos Santos, poeta brasileira

helena

Helena Werneck dos Santos é cuiabana, nascida no ano 2000. Seu poema acima foi publicado originalmente no dia quatro de fevereiro, sendo o quarto mais acessado no Tyrannus ao longo de 2017


Voltar  

Confira também nesta seção:
18.03.19 14h00 » Quinita Ribeiro Sampaio
15.03.19 21h00 » Ramon Carlos
13.03.19 18h00 » Cássia Janeiro
11.03.19 12h00 » Edson Flávio Santos
08.03.19 20h00 » Andri Carvão
06.03.19 18h00 » Ivo Andric
04.03.19 09h00 » Líria Porto
01.03.19 20h00 » Ricardo Escudeiro
27.02.19 18h00 » Lars Gustafsson
25.02.19 13h00 » Luís Quintais
22.02.19 20h00 » John Clare
20.02.19 17h30 » Laís Corrêa de Araújo
18.02.19 14h30 » Luís Pimentel
15.02.19 19h00 » Thomas Moore
13.02.19 16h40 » Esteban Moore
11.02.19 13h00 » Andreas Embirikos
08.02.19 20h00 » Timur Bék
06.02.19 18h00 » Reinaldo Ferreira
04.02.19 12h00 » Frank Bidart
01.02.19 20h00 » José Amâncio

Agenda Cultural

  • Em Cartaz:
  • Show com Zé Ramalho
  • Dia: 21 de março
  • Local: Felici Buffet
  • Informações: (65) 3321-8722
Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:

  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet