E-BOOK

Publicação organizada por Claudia Zortea



zortea

Claudia desenvolve pesquisa sobre as relações entre literatura e imprensa num dos jornais mais antigos de MT

O “Alvorada”, jornal que circula na região Araguaia-Xingu desde 1970, está inscrito na história da imprensa e da literatura alternativa do país. Por isso, merece atenção especial, olhos cautelosos e pacientes, disponíveis ao garimpo da escrita. A publicação completou em janeiro de 2022, 52 anos.

Claudia Zortea, doutoranda em letras pela Unemat, acaba de lançar o e-book "Alvorada em versos" (Carlini e Caniato Editorial). Seu longo trabalho de pesquisa resultou nessa publicação, por meio de edital Movimentar Cultura da Secel-MT. O livro digital pode ser conferido gratuitamente no link da editora   https://tantatinta.com.br/alvorada-em-versos/ . A organizadora da obra destaca que o resultado final pode ser definido como "a dessacralização da literatura nos versos do Jornal Alvorada".

alvorada miolo

 

O periódico nasceu em plena ditadura militar e daí em diante sofreu significativas transformações com relação às principais intenções, interface, periodicidade e até mesmo suporte. "O Alvorada, quando surgiu, tinha a proposta de levar às pessoas da comunidade informações comprometidas com a política, a sociedade e a religião relacionadas à região do Araguaia", ressalta Claudia. Ela explica que, na época do surgimento do jornal, a região do Araguaia vivia um intenso conflito resultante dos projetos desassistidos do governo federal de ocupação do estado de Mato Grosso. "O jornal posicionou-se sobre tais questões e sempre defendeu os oprimidos, no caso, indígenas, posseiros e trabalhadores que viviam nestas terras do nordeste do Estado", frisa.

Para o desenvolvimento dessa pesquisa inicial foram analisados 152 números, editados entre os primeiros meses de 1970 e dezembro de 1989. Percebe-se, neste período, o início, o crescimento gradativo e o declínio do fluxo de publicações de poemas no jornal Alvorada.

A organizadora

Claudia Eliane Zortea é graduada em Letras pela UNEMAT, mestre e doutoranda pelo Programa de Pós-graduação em Estudos Literários, PPGEL, da UNEMAT. Em sua tese, desenvolve pesquisa sobre as relações entre literatura e imprensa num dos jornais mais antigos, ainda em atividade, do Estado de Mato Grosso, o jornal Alvorada. Faz parte da equipe editorial do Suplemento Literário de Mato Grosso, Nódoa no Brim, vinculado ao PPGEL da UNEMAT. (*com assessoria)

 

SERVIÇO

O QUE: lançamento do e-book "Alvorada em versos"
ONDE: em link do site da editora
LINK: https://tantatinta.com.br/alvorada-em-versos/ 
QUANTO: gratuito


Voltar  

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:


  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet