PENSAMENTOS

Seleção de frases*



“Nunca pensei que no dia em que completasse 70 anos eu fosse acender velas em vez de apagá-las.”

"A inveja é um vírus que se caracteriza pela ausência de sintomas aparentes. O ódio espuma. A preguiça se derrama. A gula engorda. A avareza acumula. A luxúria se oferece. O orgulho brilha. Só a inveja se esconde."

"Nada floresce melhor num caldo de cultura de miséria do que a violência."

"Costuma-se exaltar a cabeça como fonte da razão e denunciar o coração como sede da insensatez, como músculo incapaz de ter autocrítica e de ser original. Que seja assim. E daí? Nada pior do que uma ideia feita, mas nada melhor do que um sentimento usado. A cabeça pode gostar de novidade, mas o coração adora repetir o já provado. Se as idéias vivem da originalidade os sentimentos gostam da redundância. Não é por acaso que o prazer procura repetição!"

"O berço inaugural da inveja é a competição."

"A pessoa tem direito de ser de direita e de esquerda. A questão é que tem que ser subordinada às regras da democracia.”

“A imprensa não é o Quarto Poder. É o contrapoder.”

"Jornalismo e literatura são irmãos gêmeos que nasceram muito diferentes e que hoje são mais parecidos do que nunca."

"A encomenda é a nossa musa inspiradora."

"Ciúme é querer manter o que se tem; cobiça é querer o que não se tem; inveja é querer que o outro não tenha."

 

*Frases reproduzidas após seleção em diversos sites

elza fiúza-wikimedia commons

zuenir

Zuenir Carlos Ventura é mineiro de Além Paraíba, nascido em 1931. Aos 11 anos mudou-se para Nova Friburgo (RJ), e depois para o Rio de janeiro. É jornalista e escritor, autor de obras já clássicas como "Cidade partida" e "1968: O ano que não terminou". Sua obra lhe rendeu inúmeros prêmios. Já atuou e vem atuando em diversos veículos de comunicação como a revista Veja, o Jornal do Brasil e O Globo


Voltar  

Confira também nesta seção:
26.07.21 19h00 » Pensamentos de uma autora aclamada
26.07.21 19h00 » Convite à poética de Santiago Villela Marques
19.07.21 17h22 » Bem pra lá de Araçatuba*
19.07.21 17h22 » Seleção de frases*
16.07.21 16h18 » À flor da pele
12.07.21 17h00 » Primeiro dia de aula*
12.07.21 17h00 » A armadilha*
05.07.21 19h08 » A matemática não falha*
05.07.21 19h07 » Embaçado na vista*
30.06.21 22h40 » 8.916.100.448.256 = 12¹² *
28.06.21 18h07 » Gestalt*
28.06.21 18h07 » O ato criador*
21.06.21 18h17 » O Eclipse*
21.06.21 18h17 » A ficção mágica de um sertanejo inquieto
14.06.21 18h50 » O Inominável (trecho inicial)
14.06.21 18h50 » Quando somente a arte parece simbolizar a liberdade*
14.06.21 13h47 » Ruptura
07.06.21 18h58 » A antiga dama*
07.06.21 18h58 » Seleção de frases*
31.05.21 18h57 » Governo*

Agenda Cultural

Veja Mais

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:


  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet