Segunda, 17 de maio de 2021, 14h25
CINEMATO
Produções enfocam diferentes temas

Redação*

missivas

"Missivas", de Caroline Araújo e Maurício Pinto, na terça-feira

A programação da 20ª edição do Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá – Cinemato entra na última semana. A programação pode ser conferida diariamente no site do festival - http://cinemato21.com.br/programacao/ .

Os filmes que terão exibição ficam disponíveis por 24 horas na “playlist” do canal no Youtube. O festival foi contemplado no edital Circuito Mostras e Festivais, realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

A partir desta segunda-feira (17), serão exibidas produções atuais do cinema brasileiro, inscritas nas categorias Mostra Centro-Oeste, Resistência e Filmes do Mato. Esta última traz curtas, séries e telefilmes de origem mato-grossense. A eleição dos melhores de cada categoria está nas mãos do público. Os votos serão computados pela quantidade de likes que cada link terá.

Os telefilmes destacam-se por serem inéditos para grande parte do público, caso do documentário “Missivas”, de Caroline Araújo e Maurício Pinto, que entra em cartaz na terça-feira (18). A produção revela a trajetória da militante Jane Vanini, destacando a relação construída entre ela e sua família por meio de cartas enviadas quando Jane estava no exílio (1972-74). A memória mato-grossense sobre o período também é tema do filme.

Outra produção com ares de ineditismo é “Vila Haiti”, de Luzo Reis, a ser exibido na quarta-feira (19). O documentário acompanha dois jovens imigrantes haitianos residentes em Cuiabá. Ao saírem de seu país em busca de melhores condições de vida, esses jovens levaram consigo a missão e a responsabilidade de ajudarem seus familiares que ficaram. Este telefilme apresenta de forma autêntica e sutil a odisseia desses rapazes.

Ainda na categoria telefilme, na quinta-feira (20), "As Cores que Habitamos", de Marithê Azevedo traz em seus 51 minutos, várias nuances da diversidade cultural de Cuiabá, passando pela história ancestral até chegar à contemporaneidade num constante diálogo com moradores de diversos lugares.

haiti

"Vila Haiti", de Luzo Reis, será exibido na quarta-feira (19)

Os vencedores de todas as categorias serão conhecidos na sexta-feira (21), na cerimônia de encerramento, transmitida em tempo real, a partir das 20 horas (horário de MT) no canal do Cinemato no Youtube. O encerramento será marcado também por uma homenagem ao pesquisador Carlos Brandão.

A edição 2021 conta com apoio da Assembleia Legislativa Mato Grosso – via Assembleia Social -, da Universidade Federal de Mato Grosso (IGHD/UFMT), Cineclube Coxiponés e Rede Cineclubista de Mato Grosso (REC-MT), Laboratório de Comunicação e Cultura – A Lente e Inca – Inclusão, Cidadania e Ação e Cine Teatro Cuiabá.

Resistência

Diversos temas emergentes e urgentes da sociedade pautam as mostras do festival, especialmente, a Mostra Filmes da Resistência. Na segunda-feira (17), em razão do Dia Internacional contra a LGBTfobia, serão exibidos filmes com recorte para o Protagonismo LGBTQIA+. 

Na terça-feira (18), entram em cartaz filmes da seleção “Protagonismo negro” e nos dias subsequentes, “Protagonismo feminino” e “Protagonismo Ambiental”.

Para crianças

Com uma cartela diversa, o Cinemato disponibiliza diariamente, filmes para crianças pela Mostra Cine Caramelo Itinerante MT, que tem curadoria da diretora do festival homônimo, Andreia Vigo.

Ainda na lista de filmes que serão compartilhados online a partir desta segunda (17), produções recém-produzidas pela Lei Aldir Blanc e uma seleção especial de curtas e longas produzidos no Centro-Oeste.

cores

"As Cores que Habitamos", de Marithê Azevedo, na quinta-feira

 

SERVIÇO:

Para acessar a programação completa do festival, acesse: http://cinemato21.com.br/programacao/

(*com assessoria)

 


Fonte: Tyrannus Melancholicus
Visite o website: https://www.tyrannusmelancholicus.com.br/