VERSO

Vera Pedrosa

Cortejo*

 

Tendo estado
toda uma tarde
ouvindo
um tempo branco
sentindo dedos de água
descidos da noite.
Figuras
surgem paralelas
como saídas agora
da cal da parede.
Ali onde a sombra joga
na brisa de outra água.
De perto,
a superfície do muro
para:
distração.

 

*Poema reproduzido do livro "26 poetas hoje" (Editorial Labor do Brasil - 1976), com introdução e seleção de Heloisa Buarque de Hollanda

youtube

vera pedrosa

A carioca Vera Pedrosa Martins Almeida (1936 - 2021) foi poetisa, crítica de arte, e embaixadora do Brasil em vários países. Atuou como chefe da Assessoria Diplomática da Presidência da República durante os governos Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso. Graduada em filosofia, trabalhou também como jornalista. Integrou a chamada geração mimeógrafo da poesia brasileira. Publicou os livros "Poemas" (1964), "Perspectivas naturais" (1978), "De onde voltamos o rio desce" (1979) e "A árvore aquela" (2015)

 


Voltar  

Confira também nesta seção:
09.08.22 14h40 » Wilson Alves-Bezerra
02.08.22 21h00 » Marcos Fabrício Lopes da Silva
26.07.22 18h00 » A. M. Pires Cabral
18.07.22 18h00 » Vera Pedrosa
11.07.22 19h27 » Geoffrey Hill
11.07.22 19h27 » 20 haicais*
05.07.22 17h09 » Touro Sentado
27.06.22 20h28 » Gal Freire
20.06.22 15h58 » Michaela Schmaedel
13.06.22 18h08 » Sarah Valle
06.06.22 14h00 » Hu Xudong
30.05.22 14h15 » Carlos "Gato" Martínez
23.05.22 17h29 » Luis Dolhnikoff
16.05.22 17h30 » Renée Ferrer
09.05.22 17h26 » Pedro Vale
02.05.22 14h33 » Jessica Stori
25.04.22 17h43 » Bianca Barbosa
19.04.22 08h00 » Erro de português
19.04.22 00h10 » Kiara Baco Anhôn
08.04.22 16h41 » Cuiabanália

Agenda Cultural

Veja Mais

Últimas Notícias

Mais Notícias

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter:

  • Nome:

  • Email:


  • assinar

  • cancelar


Copyright © 2012 Tyrannus Melancholicus - Todos os direitos reservadosTrinix Internet